Pernambuco Imortal

Mirandiba

  • Geral
  • História
  • Geografia
  • Estatísticas
  • Galerias
  • Outras Cidades

Bandeira

Brasão

Prefeito(a)

Bartolomeu Tiburtino de Carvalho (PR)

Gentílico

Mirandibense

DDD

87

Distância do Recife

423 km

Aniversário

11 de março

Fundação

28 de janeiro de 1958

Histórico

Um dos primeiros colonizadores da região foi João  Barbosa de Barros morador da fazenda Quixabeira, tendo como vizinhos: Manoel Nunes e Virgílio Alves Cantarelli.

O local onde está instalada hoje a cidade foi doada ao patrimônio de São João Batista por um seudevoto: João  Barbosa de Barros.

Em 1901 chegou ao município de Manissobal, Elizeu Campos, paraibano de Misericórdia, e em 1906 casou com Ana de Carvalho Campos, filha de João Barbosa de Barros, indo morar no povoado existente na Fazenda Várzea do Tiro, retirando-se dali graças a uma ação de despejo impetrada pelo proprietário da Fazenda contra todos os habitantes do povoado. Na ocasião o Capitão Elizeu Campos convocou a todos para a próxima feira que seria realizada na Fazenda de seu sogro, sob a sombra de um frondoso Trapiá, hoje o cruzamento das Ruas: João Barbosa, Francisco Pires, Tiburtino de Carvalho e Cap. Elizeu Campos.

Em 1915 foi construída a 1º casa de tijolo pelo Cap. Elizeu Campos, e elevada à categoria de vila.

O nome Queixada foi dado a vila, em virtude da morte de um selvagem porco Queixada, a poucos metros da vila.

Em 1918 em virtude de uma questão entre as famílias, Pereira e Carvalho o Cap. Elizeu Campos retirou-se para o município de Triunfo.

Em 1932 o Cap. Elizeu voltou à vila e com auxílio de populares construiu a Igreja de São João Batista, tendo como vigário o padre Manoel Gomes. A paróquia foi criada a 09-06-1968. O município foi criado em 20 de novembro de 1958, pela lei estadual nº 3234.

O atual município de Mirandiba, teve 3 denominações: 1º) Vila Queixada (devido ao porco selvagem morto na ocasião). 2º) São João dos Campos (João em homenagem ao doador e Campos ao fundador) 3º) Mirandiba (Nome indígena que significa PORCO QUEIXADA, nome dado pelo jornalista Mario Melo)

Gentílico: mirandibense

Formação Administrativa

Distrito criado com a denominação de São João de Campos, pela lei muicipal nº 5, de 18-031908, subordinado ao município de Belmonte.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1911, o distrito de São João de Campos figura no município de Belmonte.

Pela lei municipal 04-01-1918, o distrito de São João de Campos foi extinto.

Pela lei municipal nº 26 de 10-07-1920, o distrito é recriado com a mesma denominação.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1933, o distrito de São João de Campos figura no município de Belmonte. Assim permanecendo em divisões territoriais datadas de 31-XII-1936 e 31-XII-1937.

Pelo decreto-lei estadual nº 235, de 09-12-1938, o distrito de São João de Campos passou a denominar-se Mirandiba.

No quadro fixado para vigorar no período de 1939-1943, o distrito de Mirandiba, figura no município de Belmonte.

Pelo decreto-lei estadual nº 952, de 31-12-1943, o município de Belmonte passou a denominar-se Manissobal.

Em divisão territorial datada de I-VII-1950, o distrito de Marandiba figura no município de Manissobal.

Pela lei estadual nº 1770, de 07-12-1953, o município de Manissobal passou a denominar-se São João de Belmonte.

Em divisão territorial datada de I-VII-1955, o distrito de Mirandiba figura no município de São João de Belmonte. Assim permanecendo em divisão territorial datada de I-VII-1960.

Elevado à categoria de município com a denominiaçào Mirandiba, pela lei estadual nº 3234, de 20-10-1958, desmembrado de São José de Belmonte. Sede no antigo distrito de Mirandiba. Constituído de 2 distritos: Mirandiba e Tupanaci, desmembrado de São José de Belmonte. Instalado em 01-031962.

Em divisão territorial datada de 31-XII-1963, o município é constituído de 2 distritos: Mirandiba e Tupanaci. Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2005.

Alteração toponímica distrital

São João de Campos para Mirandiba alterado, pelo decreto-lei estadual nº 235, de 09-12-1938.

Transferências distritais

Pelo decreto-lei estadual nº 952, de 31-12-1943, distrito de São Mirandiba deixou de pertencer aomunicípio de Belmonte sendo anexado ao município de Manissobal.Pela lei estadual nº 1770, de 07-12-1953, o distrito de Mirandiba deixou de pertencer ao município deManissobal sendo anexado ao município de São João de Belmonte.

Localização

Unidade Federativa

Pernambuco

Latitude e Longitude

08º07'13, 38º43'46

Mesoregião

Sertão Pernambucano

Altitude

450 metros

Microrregião

Salgueiro

Área

821.67

População

14308

Densidade

17.413316781676

Evolução Populacional

Pirâmide Etária

PIB

R$ 47 672,973 mil IBGE/2008

PIB per capita

R$ 3 465,36 IBGE/2008

Receitas e Despesas

PIB por Setor

IDH

0,636 médio PNUD/2000

Bioma

Caatinga

Clima

Quente e semi-árido, com chuvas escassas

Limites

Limítrofes São José do Belmonte, Carnaubeira da Penha, Serra Talhada,Verdejante e Salgueiro

Cep inicial

56980-000

Casamentos

Docentes por Série

Matrículas por Série

Número de Escolas por Série

Estabelecimentos de Saúde

Frota de Veículos

Escolha a Cidade no Mapa ou na Listagem abaixo

Pernambuco Imortal | © - 2011 Todos os direitos Reservados